Humberto Sanches e Associados anuncia nova sócia-diretora do escritório

Juliana Cardoso chega para assumir a função de head da área tributária

Posted mercredi, mars 22 2023
Humberto Sanches e Associados anuncia nova sócia-diretora do escritório

O escritório Humberto Sanches e Associados anunciou Juliana Cardoso como a nova sócia-diretora do escritório. Cardoso possui mais de 20 anos de experiência e chega para ser a nova head da área tributária, visando uma ampliação na atuação da equipe.

A nova sócia conta com a experiência prévia de head da área de Wealth Planning e Tributário de um grande escritório de advocacia de São Paulo, além de uma atuação de 16 anos em uma das quatro principais multinacionais de auditoria e consultoria mundiais.

Cardoso é mestre em Tributação Internacional e Trusts pela Queen Mary, University of London, além de dispor de uma carreira internacional com passagens por escritórios em Nova Iorque e Londres, além de “trust company” nas Ilhas Jersey.  

“Acredito que a minha experiência em tributação nacional e internacional e em reestruturações patrimoniais e societárias, agregará ainda mais valor aos clientes do nosso escritório para se prepararem, tanto para um evento de liquidez, quanto para a estruturação de seus investimentos e planejamento sucessório”, afirma a advogada.

Os sócios diretores do escritório, Humberto Sanches e Adriane Pacheco, reforçam que a chegada de Juliana tem como objetivo tornar a banca a mais admirada no Brasil em Wealth Planning.
 
“Diante da iminência de uma reforma tributária, com impactos profundos para os nossos clientes, é importante reforçar o segmento de planejamento tributário com uma profissional altamente qualificada e de sólida base técnica na área tributária, tanto no que se refere à tributação de pessoas físicas, como também à de pessoas jurídicas, permitindo que ampliemos ainda mais a nossa prática, especialmente em situações de reestruturações mais complexas, como as que se esperam em um contexto de reforma tributária, pré M&A e/ou IPO, e de fiscalizações administrativas”, destacaram em nota.